Porque virei adepta dos vestidos

Hoje vim comentar aqui com vocês uma grande revolta minha: as calças jeans!

Você deve estar estranhando, não é mesmo? Ainda mais eu que sou punk e revoltada.

Mas deixa eu te contar. Eu sempre usei muito jeans, uma grande parte do meu guarda roupa sempre foi calças no geral. Até que um dia comecei a sentir umas dores insuportáveis na região abdominal e na virilha.

Procurei o médico, passei por uma série de baterias de exames muito incômodas.

mulher-sentindo-dores-pré-infarto1

Não houve nenhum resultado concreto, nenhuma doença, nada.

Ok, o que eu poderia fazer, não é?

Eis que um dia estava na casa da minha avó conversando sobre isso, e ela me deu a simples resposta e curta: jeans.

Eu fiquei sem entender no primeiro momento, afinal, como assim o jeans?

Ela me contou que quando algumas mulheres usam jeans muito apertados, isso acaba prendendo a circulação sanguínea, resultando nessa dores tão incômodas que eu sentia.

Sinceramente, não coloquei muita fé no que essa senhorinha me dizia, afinal, poderia ser coisa da idade.

download

Mas depois de algum tempo, as dores continuaram e resolvi fazer um teste: ficar uma semana sem usar calça só para ver se realmente havia alguma melhoria ou era coisa da minha cabeça e da minha avó.

Optei por modelos de vestidos mais soltos, justos, diferenciados. Passei a usar saias ou calças mais soltas, como aquelas de tecidos para ballet.

E o resultado foi que as dores pararam, principalmente as que eu sentia ao redor da virilha quando me sentava ou fazia movimentos muito bruscos.

Então, esse é o motivo de todas aquelas dores. Por isso digo para vocês, que apesar de ser punk e tudo o mais, é preciso sim dar um tempo para o nosso corpo e entender as necessidades,

Por isso hoje, sou uma das mulheres mais adeptas a vestidos e ao conforto que essa peça de roupa oferece para o meu corpo.